Grudenta, mas descartável

terça-feira, 16 de março de 2010
É impressionante como algumas canções se tornam chiclete, martelando em nossas cabeças mesmo quando não gostamos delas. Sem querer querendo somos pegos cantarolando, ou pior, tentando fazer alguns passinhos de dança das canções hits, aquelas que tocam incansavelmente nas rádios ou são exibidas em videoclipes na MTV. Nem um gênero musical escapa da canção hit, mas no pop a música chiclete é item obrigatório.

Na música pop (não qualquer Pop, mas o entertainment), qualquer cantor(a) que queira se destacar nesse cenário disputadíssimo tem que lançar uma canção que despontará como música do ano, ou pelo menos figurar entre as mais executadas. São geralmente músicas de apelo fácil, refrão curto e simples, que falam geralmente de festas, namoro, sexo, bebida, vingança, e todo tipo de banalidade, sendo associadas, na maioria das vezes, a performances extremamente sensuais e dançantes. Eis a fórmula da canção chiclete. Já me peguei cantando “Single Ladies Put A Ring On It” - chicletíssima!-, “Bad Romance”, “Gimme More”, "Tik Tok" (que eu não sabia nem quem cantava) e a chata, mas grudenta “Put It in a Love Song”, fora outras tantas por aí. Não tem jeito, o pop não polpa ninguém.

Enfim, sei que me divirto muito ouvindo e vendo tais performances, e cantarolando também, até porque sou apreciador da música pop, sem preconceitos, além de renderem muito pano pra manga. Mas, ainda bem que são iguais a chiclete, quando perde a graça nós descartamos.

20 comentários:

Macaco Pipi disse...

AHH
SÓ AS BOAS HEIN?

AirCircuit disse...

Musicas que realmente empolguem toda a Galera!

http://murilomeds.blogspot.com/

Guilherme Lombardi disse...

demais essas musicas

perfumefedorento disse...

Ahhh. Confesso que não curto mais esse tipo de música, sou mais das antigas, sabe?

Mas é uma graça ver as criancinhas dançando Single Ladies no Youtube. :D

Marcus disse...

Além do pop existe o funk, quando lança alguma musica você odeia, mas esculta tanto que logo está cantando!

LADY DARK ANGEL disse...

o pior é q isso me acontece o tempo todo

Daniel Silva disse...

a maioria do pop hoje acho descartável, mas tem aquelas músicas que, por mais chatas que sejam, ficam na cabeça da gente.

abraço

Marcus Vasconcelos disse...

O POP hoje vem crescendo mais e mais isso é fato, mas suas origens vao sendo esquecidas, sou metal mas vale lembrar que Michael Jackson deixou sua marca e que deve seer seguida.

Parabens pelo blog parceiro!

www.blogdomarcolinoo.blogspot.com

Alexandre Terra disse...

infelizmente a maioria das musicas q grudam na cebeça sao as ruins! no momento eu to com o tal do Rebolation na cabeça!

kbritovb disse...

num tem como não ficar com essas músicas na cabeça
elas realmente tocam em todos os lugares há qualquer hora
eu gosto de todas e até escuto as mais antigas é dificil eu descartar =p

Matheus Rego disse...

haha! No momento estou com uma pérola da musica popular na minha cabeça "Rebolation". A gente ri, mas é um fato muito triste. A insistência na repetição exaustiva de um texto redundante é o que garante a essas musicas essa qualidade de ficarem em nossa mente! É terrível!

Amanda disse...

Muitas são realmente descartáveis. Mas quando traz na composição da melodia algum prodígio ou na letra alguma coisa interessante, viro fã sem olhar a quem! :D

JASMINE TIGER disse...

POXA..E A TAL MUSICA Rebolation...NEM SEI QUEM CANTA ELA ..MAS ELA EU SEI CANTAR KKKK
BJSSSSSSSSSSSSS

♫ Angélica ♥ Kawai ♪ disse...

Meu Deus! Já fiquei com o refrao da musica de Sand & Jr. Replay durantes dias na minha cabeça... quase enlouqueci... Pior que isso foi o "dingo" -não sei se é assim que escreve- do especial da Globo na Bahia _♫Hooo Bahia.. Bahia que não mesai do pensamento♫- essa ficou por semanas!! HAAAA!! que odio deu agora... mas eu ri!

M. Martins disse...

músicas com refrão repetitivo sempre ficam na minha cabeça, e quando percebo estou cantando...

Macaco Pipi disse...

VC NAO GOSTA DAS GRUDENTAS?

Gabriel Pozzi disse...

Olá Italo!!
Primeiro quero agradecer seus comentários no meu blog, de altissimo nivel!! São raros comentários como os seus!! :DD

Quanto à músicas chicletes e essas coisas afins, CARAMBA, eu já fiz um post que falava exatamente sobre isso!!! HAHAHAHA bom, se quer ver a introdução dele, aqui está:

"Dizem por aí que as músicas mais chatas e irritantes são aquelas que grudam na cabeça. Eu discordo. Talvez seja verdade que muitas músicas consideradas ruins infelizmente ocupam às vezes um espaço em nossa mente, enquanto lutamos para expulsá-las cantando o refrão de boas músicas na tentativa de substituir Claudia Leite por Guns N’ Roses. No entanto, muita música boa parece ter chiclete em sua composição, grudam em nossas línguas e se repetem por semanas em nosso mp3 mental."

imaginei você lutando para expulsar Ke$ha da cabeça e lutando para entrar The Cranberries no lugar (sim, eu li seus outros posts ^^ hahahaha)! Aliás, essa introdução que te mandei está no post do Cold War Kids no meu blog, se quiser ver! ;D

Enfim, seu blog é ótimo, adoro ter outras referencias em blogs de musica, a gente lê, aprende e evolui com o nosso próprio blog :D
Um abraço

http://songsweetsong.blogspot.com/

Marcela Barreto disse...

Já me vi nesta situação também! Sem dúvidas... E aliás, a reflexão depois do momento "grogue" é o pior... haha

Como costumo dizer, o conhecimento dói!!!

Obrigada pela passagem no meu blog, um abraço!

Phellipe salaroli disse...

Muito bom o post! O blog também tá legal, só precisa caprichar um pouquinho mais no layout! #FicaDica! Abçs

Gabriel Pozzi disse...

Queridissimo Italo!
Seu blog está salvo em minha barra de blogs a visitar, e qdo dá um tempo, eu caminho por essa barra...
E bom, passei pra dizer que estou aguardando novos posts aqui!
(e tbm pra dizer q tem coisa nova no meu, rsrs)

abraço cara, qdo atualizar, me avisa :)

http://songsweetsong.blogspot.com/

Postar um comentário